Coragem

"O mundo está nas mãos daqueles que tem coragem de SONHAR, correr o risco de viver seus sonhos.
Coragem é não buscar desculpas para ser feliz!"

Charles Chaplin

Sejam Bem vindos ao blog Horas Interiores!
Agradeço sua presença aqui e aguardo seu comentário.

Paz e Bem,

Rodolfo Andrade

domingo, 30 de outubro de 2016

Mãe Aparecida





Esta virgem que foi imaculada,
no norte de um estado renasceu,
com louvor pela igreja é venerada,
no leito do rio que apareceu.

Esta mãe pura, a vida sempre acolhe,
busca pacientemente sempre amor
tranquilamente jamais se recolhe
nem sempre ganha na volta louvor.

Pura mãe do Filho do nosso Deus,
rainha que acalenta o coração
que é dona dos mais puros sonhos meus.

Em viagem que por Deus foi concebida
nosso povo caminha em romaria
rumo a basílica de Aparecida.



quinta-feira, 27 de outubro de 2016

Telepatia






Porque não falar de você?
Que me tira o sono e me acalma
me acalenta na agonia
aliviando sempre minh’alma

você é meu nada com tudo
que enaltece meu dia a dia
trancado calado e mudo
te vejo mesmo sem nostalgia

seu semblante vejo sereno
com perfume da Vênus proibida
com o passar ao passar te sinto
com o cheiro que vem de você

não te toco agora
mesmo assim eu sinto
o sabor do teu beijo aflora
qual gosto dói, favo de mel

sonho mas não te tenho
espero um dia te ter
busco te encontrar
um dia irei vencer.



segunda-feira, 24 de outubro de 2016

A vida é agora






Meu tempo hoje é menor
só tenho a vida agora
que marca a minha estória
sentindo meu coração pulsar.

O ontem já foi, nem lembro,
o futuro já é passado,
o gosto que era bom
passou, ficou marcado?

Seqüelas ficam latentes,
do sorriso que é marca
da dor do outro que sofre
buscando sem encontrar.

Hoje sou mais...
...ou menor que era ontem
de certo buscando viver
a oferta que passa num jaz.

Por isso eu vivo,
não reclamo
só vivo pois:
O futuro de ontem é hoje.
]


sexta-feira, 21 de outubro de 2016

Questionamentos respondidos






Porque poesia
Pelo desejo de sonhar
Pelo gosto da vida
Pelo sabor de amar

Por isso poeta
Que vive o riso
Que caminha sem meta
Buscando o paraíso

Os dissabores marcados
Esquecidos jamais
Alimentos da dita
Enfeitam quintais

Soberano do tempo
Sem antes nem depois
Caminhando ao relento
Quer nem saber “ora pois”

É doido
É profeta
É viajante
É poeta 



terça-feira, 18 de outubro de 2016

Testemunho





Sonho sonhado
Existe sem pretensão
é cultivado com carinho
na vida maltratada

é incontrolável sem porque
vive a lembrança real 
revelada na oração
por Deus senhor do tempo.

O tempo?
É agora
rasga o peito
em viagem sem fim.

O sonho?
Continua mais forte.
Realidade?
A vida.



Face oculta





Proibido é seu sorriso
lindos são seus olhos
verdes azuis amarelos coloridos
que ao sol se fazem mais lindos

você tem a pura beleza
que exala todo seu cheiro
que envia a todos a paz
sempre buscando o bom da vida

seus cabelos alongados
refletem ao sol brilho forte
que reluzem sem igual
mostrando sua realidade

correr sem parar
com rumo desconhecido
sentir só você agora
e viver a conquista

a sua imagem é sem razão
nem tem um porque
pois seu nada é gostoso
e você é sempre você. 



domingo, 16 de outubro de 2016

Eureca



Esta tarde quente me fez ver
que o sonho puro se faz belo
todo instante ele é sempre mágico
mostrando o seu real flagelo

sua voz é meiga e sempre doce
qual sinfonia em dia orquestrado
com beleza de acordes mutantes
que transmitem o meu amado

queria te ter aqui agora
sentir seu amor por inteiro
sentir a paz que reina em ti
ter pra mim o aroma do seu cheiro

te quero para sempre agora
sem medo eu juro te quero 
pois a vida hoje é bem mais pura
se faz descoberta eu espero

Ir?... Pra onde?
Falar?... O que?
Te ver...
É tudo que tenho.




quinta-feira, 13 de outubro de 2016

Recomeçar



Paro enfrente ao papel
com vontade de escrever algo
só não sei bem o que é
e nem que forma terá

queria falar de amores
daqueles que já tive
dos que eu tenho
e até dos que terei

quem sabe da rosa em botão
da gota de chuva pingente
do sol escondido por nuvens
até do acorde desordenado

paro e olho sem ver
escuto o som inexistente
sinto o que não faz sentido
e vivo levando a vida

Parei perante a folha
falei de amor e amores
olhei e vi o horizonte
por traz da vida.



segunda-feira, 10 de outubro de 2016

Il dolore caldo










A neblina que inicia o dia

trazendo na brisa o seu cheiro

que embriaga e causa nostalgia

pois guardada estava em seu roteiro



agora dói bem dentro do peito

esta dor que constrói a verdade

por um ato já feito e refeito

é desta dor que vem a saudade.



Eu bem queria estar ao seu lado

ouvir sua voz me dizendo:  “AMORE”  

e decifrar seu olhar parado.



Em um estalo surgiu assim

a saudade que agora é um fato

e se alojou calada em mim.





terça-feira, 4 de outubro de 2016

Encontro






Sonhos
passagens
viagens que marcam

A glória
a vitória
sentida na vida

Com coragem
a imagem
busco aqui em ti

Te amar é o lema
te busco em tudo
em todo lugar

Quero com gosto
peço-te agora

MOSTRA-ME TEU ROSTO.



sábado, 1 de outubro de 2016

Divagações




Caminho na noite
o sonho é sem fim
o belo tem gosto
sabor, quero mais

O vento que sopra
com som devaneio
é parte partida
pois sono não veio

Perdido consolo
a mancha que fica
o doce é amargo
querências guardadas

O sonho passou
ficou a saudade
e só piedade
impede a maldade