Coragem

"O mundo está nas mãos daqueles que tem coragem de SONHAR, correr o risco de viver seus sonhos.
Coragem é não buscar desculpas para ser feliz!"

Charles Chaplin

Sejam Bem vindos ao blog Horas Interiores!
Agradeço sua presença aqui e aguardo seu comentário.

Paz e Bem,

Rodolfo Andrade

quinta-feira, 28 de fevereiro de 2013

Trovas d'amor



Só sentir tua presença
alegra todo meu ser
guardá-la feliz, bem dentro
para jamais te perder.

XXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXX

Sabor de mulher felina
exala amor com desejo
começa no forte abraço
termina depois do beijo.

XXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXX

Sentimento vem sem fim
querendo a vida mudar
vem trazendo tudo em mim
deixa a mente sonhar.

XXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXX

Na tarde te vejo
mostrando a verdade
calor sem gracejo
amor sem maldade.

XXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXX

Rosto bem marcante
beleza sem par
ao ver seu semblante
me ponho a viajar.

XXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXX

quarta-feira, 27 de fevereiro de 2013

Exuberante achado



Cheiro com aroma bom
aparece ao fim da tarde
penso parado em você
linda mulher sem alarde.

Lembro da rosa que é bela
do cheiro doce jasmim
do rosto qual aquarela
de te querer só pra mim.

Você é canto sem som
em meio ao grito fechado
busca o verdadeiro dom.

Mágico o dia contigo
que faz viajar o meu íntimo
em busca do teu abrigo.

segunda-feira, 25 de fevereiro de 2013

Ser diferente é normal


Imagem: Guilherme Constantino

Grito pela noite
no silêncio da penumbra
negro fio, franco
corta como açoite.

Viagem sem um fim
preço do sangue maldito
que perde o gosto
buscando seu corpo putrefato.

Escuro, mórbido, macabro,
frio, gélido, morto
o corpo marcado
de palavras que buscam o ômega.

Sorte ausente em mim
presença do nada
quieta e calada
é tumba fechada.

Mancha no céu
é escuro na noite,
é “GÒTICO” estilo de vida,
é beleza de sangue.


Quero seu tudo



Quero ouvir seu não,
quero seu perdão
te quero até na contra mão.

Quero sentir seu perfume,
quero seus cabelos,
quero seus apelos.

Quero ouvir você,
quero seu sonhar,
te quero a me amar.

Quero seu jogo,
quero ouvir seu fala,
te quero quando se cala.

Quero você triste,
quero você feliz,
te quero sempre.

Quero na verdade
quando você diz:
Hei estou aqui. 

domingo, 24 de fevereiro de 2013

O que faço



Meu tudo é sim, você
sem encontrar procuro
consigo ver um porque
quando te vejo no escuro.

O tempo hoje é diferente
meu ser um outro destino
porém não estou contente
você mudou meu refino.

Você é algo de estranho
difícil de se entender
meu vazio jaz tamanho.

Pura, esta só indecisa
no velho ser ou não ser
mas de mim você precisa.

Vai chegar o dia



Agora tudo de novo
parece fim não mais ter
e assim mais vejo meu povo
que luta para viver.

Agora quase passado
novos sonhos a surgir
eu quero é ficar parado
sem ter pra onde fugir.

Com seu semblante macio
só falta você aqui
sem ti é tudo vazio.

Este dia vai chegar
triste vai ser sem você
com que forças vou lutar.

terça-feira, 19 de fevereiro de 2013

Barato sai caro



Vira, mexe, embola e puxa
travessura em fofa areia
do sorriso bem feliz
ao enrosco em sua teia.

Bola grande vira pé
incomoda sem valer
gole a gole vem a festa
sofre agora por querer.

Passa tempo corre mundo
vem buscando acertar
mais depressa chega ao fundo.

Belo dia de resvalo
num repente vem
aqui cavaleiro sem cavalo.

segunda-feira, 18 de fevereiro de 2013

A tardinha



É a tarde que logo vai
na brisa áurea boreal
forte calor com sol
ilusão sempre surreal.

Sempre bela gosto ameno
num bailar de sedução
cantarola o vento só
acalenta o coração.

O brilho alvo e juvenil
com sabor de quero mais
enobrece qual o anil.

Sem ter o por que partir,
vem, marca presença aqui
com doce e simples sorrir.

Manhã



Visão azul que impera
o sol, majestoso, brilha
define a glória reluz,
ternura doce de filha.

É vida que surge assim
em meio ao sono de dor
buscando um novo sentido,
sentindo o sabor do amor.

Hora que o dia nos faz
sentir o gosto, verdade
na vida somente a paz.

Tentei sentir a manhã
que surge livre mas real,
leve com todo afã.

Razão



Não pode ser mais assim,
não temo calamidade,
tudo se foi, acabou,
hoje é somente saudade.

Somente a triste verdade,
maltrata a malvada  sim,
sem dó bate no peito,
querendo você pra mim.

Sem você hoje não dá,
é puro amor sem sabor,
dor no peito só o que há.

Busco a felicidade
razão maior de viver
assim só vence a verdade. 

sábado, 16 de fevereiro de 2013

Desejo



Aqui num quarto fechado
escuto o rádio sonoro
só te queria ao meu lado
não sei porque não mais choro.

O quadro ali é sozinho
no canto alegre só dança
nunca te esqueço, jamais...
Você não me sai da lembrança.

A música de dor fala
não tenho como voltar
meu eu triste se cala.

Porque não voltas agora?
Não tenho mais argumento,
sem você a vida chora.

sexta-feira, 15 de fevereiro de 2013

Vou te achar



No ar o teu perfume
reflete sua grandeza
procuro sem encontrar
o reflexo de sua beleza.

Seu cabelos ao caírem em suas costas
me lembram a cachoeira tão linda
pensando com isto fico
que minha busca não se finda.

Te procuro em todo lugar
no dia, na noite, na chuva que cai
de repente quando te encontrar
será para dizer que já vai.

Acho que comecei muito tarde
a te procurar querida
espero não demorar
para te encontrar amiga.

Meu tempo já é menor
muito menos que ontem
qualquer dia talvez amanhã
as flores pode ser que voltem.



Constatação



A neblina cai com vagar
no congelante ar que é frio
seu rosto angelical de mulher
é presença que traz calafrio.

Você é brilho do sol
seu astral contagia
sem você tudo é longe
e o dia perde a magia. 

Eu sonho perdido
sempre buscado o que?
Minha alegria é perdida
no caminho sem você.

Na vida se brinca a sério
no emaranhado de ilusão
quando se chora de verdade
se perde a razão.

Tudo passa tão rápido
que é impossível regredir
agora que tudo mudou
não da mais para se iludir.

quarta-feira, 13 de fevereiro de 2013

Mito



Foco
forte
clareia
aqui.

Alto
reluz
conduz
o sabor.

Sempre
escondido
vive
surgindo.

Sempre
fechado
brilhante
forte.

No campo
do amor
a dor
anuncia.

Sinto
você
na luta
diária.

Sempre
te espero
venero
a força.

Sua luz
que produz
o mito
do grito.

segunda-feira, 11 de fevereiro de 2013

Maravilhas


Infinito...
É ali
bem longe,
bem perto.

Ilusão
rotineira
existe
de fato.

O gosto
salgado
tempera
a vida.

Com sabor
de vontade,
de beleza
livre.

Dia
noite
sentimento
igual.

Admiração



A espera vem sem demora
é viajem sem esperar
como sonhos deflagrados
nestas terras de além mar.

Sorriso exposto, sentido
fruta tirada no pé
doces macios bem perto
sem medo de ser o que é.

Belos amores se dão
procurando a vida aqui
sem demora logo se vão.

Delícia bela e real
simples de pura magia
és lindo, puro Arraial.

Sequências



Chegada
marcada
doce
mistério.

Enlace
de vida
sonho
de glória.

Com amor
é sabor
de sonho
sozinho.

Na rede
aos milhares
a fuga
é fechada.

Sentimento
mistificado
de liberdade
vigiada

Despedida



Sem igual o mar é azul
energia de puro prazer,
viagem rumo ao infinito

que busca o futuro bem perto.

Sol ao alto,
vida sentida
é a terra que se vai
partida...

O gosto
que fica
esperança
na volta...

Tudo novo



Ano novo
vida nova

sonho guardado
agora exposto

marcando agora
vida vivida
forte sofrida
sem pena reluz

sentido direito
caminho pra lá

buscando encontrar
o nada perdido

viagem
utópica
buscando
sentido.

quinta-feira, 7 de fevereiro de 2013

Seja feliz



Que insegurança é esta?
Viva, venha ser feliz,
não adianta se ocultar,
não se tem por onde fugir.

A vida ainda é bela
não deixe a vida viver-te
você é que tem que vive-la
sorria a todo momento.

Não se deixe levar
tente ao menos
por mais difícil que possa ser
de a volta por cima, seja feliz.

Não se esqueça de você,
não seja covarde...
e quando chegar a hora vá
mas com certeza que tudo fez.

Se nada for possível, sonhe,
ao menos em sonhos seja feliz,
sorria, cante a vida
para ter consciência que tentou.

quarta-feira, 6 de fevereiro de 2013

Sem resposta


Noite vazia se passa,
sua ausência é sem razão
ao olhar o horizonte
vejo o quanto esta longe o perdão.

Seu medo e espanto
fazem v
ocê ser assim
talvez na expectativa
de um dia ser feliz sem mim.

Sua presença é real
na minha solidão de agora
é fato sentir-te minha,
em cada flor que aflora.

Será eu o escolhido
no meio de tanta gente
para amar sem resposta
e seguir sempre em frente?

O jeito agora é viver
e ver o poder da mente
de repente vou te esquecer
ou até ficarei contente. 

terça-feira, 5 de fevereiro de 2013

Procura da vida



Não ter uma vida normal
pode ate ser bom
ser pouco volúvel às vezes
ouvir um som sem som.

A voz é vento de acalanto
macia folha a planar
revejo todo passado
na certeza de encontrar.

Sem procurar
sonhar com tudo certo
e ter a presença
aqui, bem perto.

Sentir a falta de algo,
algo perdido sem fim
como peça marcada no jogo
na vida que passa assim.

Descobrir a beleza da vida
sentir que não adianta fugir
sorrir intensamente
sempre procurar sorrir. 

Noel



Lá vem ele de mansinho
de vermelho a gargalhar,
barba branca bem velhinho
com o dom de alegrar.

Majestade sem cavalo
sete renas no trenó
nem pensa no intervalo
o sonho não pode virar pó.

Joãozinho um carrinho,
Mariazinha a boneca
vivem com todo carinho
nesta vida sapeca.

Viajando pelo mundo
muita coisa já viu
muito poço sem fundo,
muito mar sem anil.

A luz do alimento
ali não brilhou
terá seu contento
o que do outro sobrou.

Diferenças sem destino
nunca param de chegar
um dia o pobre menino
nunca mais vai esperar.

domingo, 3 de fevereiro de 2013

Viagem de Natal



Nos sonhos da poesia viajei
noite e dia sem fim
quando resolvi eu parei
é Natal, é dia do Rei.

Seu sorriso de menina criança
se fez diante de mim
como luz que brilha forte
como luz que arde sem fim.

Estou vivendo a vida
querendo sempre querer
quero uma vida melhor
sem ferir e sempre viver.

Seus olhos marcantes
a vida sem medo refletem
uma grande vontade,
um enorme desejo prometem.

Porém a vida continua
com mais força se diz...
Só espero que não tenha fim
a vontade de ser feliz.

Me fez ver a vida
sua paz sem igual
uma alegria me invade,
fico feliz hoje é Natal.